Ex-secretário Ivan ganha liberdade e, conforme previu, antes do Natal

Ivan Burity apontou os responsáveis pelo comando do esquema criminoso que teria desviado mais de R$ 1 bilhão da saúde paraibana, através de um contrato com a Cruz Vermelha, a gaúcha, uma organização social que gerenciou verbas do Hospital de Trauma de João Pessoa entre 2011 e 2018.

Na noite passada, o ex-secretário dos governos Ricardo Coutinho na Prefeitura da Capital e Estado ganhou a liberdade, depois de passar mais de 60 dias presos na Penitenciária Hitler Cantalice. Delatou para cima e entregou o chefe da Orcrim. Por isso, vai passar o Natal na sua casa, conforme ele mesmo previu.

A Justiça entende que não era possível esperar o julgamento do habeas corpus, marcado pelo Tribunal de Justiça para a próxima quarta-feira (18), de acordo com despacho do desembargador Ricardo Vital de Almeida, publicado no Diário da Justiça.

Foto: Divulgação

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.