Chegou a vez de Deca do Atacadão; posse será dia 8

Deca do Atacadão está contando o dia de sua posse como titular da cadeira no Senado da República, prevista para o próximo dia 8. Suplente do senador Cássio Cunha Lima (PSDB), ele já está apto para assumir o posto pela primeira vez desde as eleições de 2010. Chega ao mandato depois do clima da votação do impeachment da presidente cassada Dilma Rousseff.

Quanto a Cássio, o senador entra de licença sem vencimento. Ocorre depois de cumprir importante papel durante a tramitação do processo de impeachment, tendo assumido, a condição de líder dos tucanos no parlamento nacional, a linha de frente dos debates. A assessoria dele não soube informar sobre a data que assumirá a campanha municipal na Paraíba, em que está sendo aguardado.

Assim como Raimundo Lira (PMDB), Deca chega ao Senado sem que tenha obtido um voto.

Em entrevista, Deca subiu no palco pela primeira vez: “Não vou assumir apenas a vaga de um senador, mas sim que trabalhou por dois anos como líder do PSDB, que se destacou perante a esse período do impeachment. Não vai ser fácil, mas acredito que com a experiência que tenho na área empresarial, espero dar continuidade no trabalho de Cássio”.

Ou seja, assume com a expectativa de apenas ser mais um.