Tucano vai a plenária do PSB em Campina Grande

Um tucano apareceu na plenária do PSB realizada na noite passada em Campina Grande, que referendou a pré-candidatura de Adriano Galdino – que é presidente da Assembleia – à sucessão municipal de Campina Grande. Nem precisou convocar, mas Antônio Mineral (PSDB) saiu do ninho direto para os girassóis.

Mostra que ele pode estar transferindo sua filiação para o Partido Socialista Brasileiro, ou outro partido da base aliada do governo aproveitando que a “janela” para a mudança de partido está em pleno vigor, faltando apenas três dias para o prazo final. Junto com ele, Emano Santos (PTN), conforme imagem acima.

Mineral e Emano, ambos suplentes de deputado, votaram no senador Cássio Cunha Lima (PSDB) na campanha de 2014 vencida pelo governador Ricardo Coutinho (PSB). Como estão livres para voar, em especial o tucano Antônio Mineral, então pergunta básica se permanecerão nos respectivos partidos ou estão de saída para a legenda socialista?

O deputado João Gonçalves (PSD), do partido aliado do prefeito Romero Rodrigues (PSDB). Não só ele:  Gervásio Maia (PSB), Tião Gomes (PSL), Ricardo Barbosa (PSB), Caio Roberto (PR), Edmilson Soares (PEN), Hervázio Bezerra (PSB), Zé Paulo (PCdoB), Genival Matias (PT do B), Buba Germano (PSB), Estela Bezerra (PSB), Anísio Maia (PT) e Trócolli Júnior (PMDB-licenciado)