Cássio quer lavar roupa suja. Fala sééééééério!

A lavagem de roupa suja do senador Cássio Cunha Lima com o então senador Cícero Lucena não deverá produzir conseqüência, conforme está sendo desejada por CCL. Ele espera o “aceite” do ex-amigo – digamos assim – para que dispute a Prefeitura de João Pessoa nas eleições do próximo ano. O clima entre os dois é parecido com o ditado popular de “vaca desconhecer bezerro”.

Basta olhar rapidamente para o ambiente interno do PSDB estadual para descrer na possibilidade de paz no Oriente Médio. Como se sabe, em duas ocasiões, Cássio descartou Cícero e a magoa do ex-senador começou em 2010, quando foi “fritado” na pretensão de concorrer na campanha para o governo do Estado.

Em seguida, veio a campanha municipal de 2012 em que Cícero concorreu e Cássio poucas vezes esteve no palanque, porque não podia contrariar a candidatura (Estela Bezerra) apoiada pelo então aliado Ricardo Coutinho. Lucena relevou. Porém, o golpe final veio na eleição do ano passado.

Acabou preterido de concorrer à reeleição, tendo sido substituído na chapa pelo presidente estadual do PTB, Wilson Santiago. Por isso, Cícero não deverá conversar com Cássio sobre as eleições de João Pessoa em 2016, como deseja o líder dos tucanos no Senado.

Chega de rasteira.


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.