Lamentação de Cássio a ‘batida de pino’ do PSB

Em outras palavras o senador Cássio Cunha Lima – líder do PSDB no Senado – quis dizer que o PSB, partido do governador Ricardo Coutinho, “bateu pino” quando retirou as assinaturas de parlamentares no requerimento ao pedido de abertura de uma CPI para investigação dos Fundos de Pensão.

Sobre o ocorrido, Cássio lamentou: “A CPI chegou a ser lida no plenário e antes da meia-noite, tal qual a carruagem da Cinderela, as assinaturas foram retiradas. Nós queremos que a sociedade tome conhecimento disso”.

Incrédulo, disse que “eu não quero crer que o PSB esteja sendo cooptado pelo governo para voltar a compor a base depois que sua Executiva decidiu pela independência, mas claro que você quebra as pernas de um movimento investigatório no badalar da meia-noite”.

Nem assim o PSDB vai deixar de trabalhar em defesa da instalação da CPI no Congresso Nacional. “Nós da oposição vamos continuar insistindo na coleta de assinaturas, não apenas para a CPI dos Fundos de Pensão, como também da CPI do BNDES”, acrescentou.

Como se sabe, o governador Ricardo Coutinho é o maior defensor da reaproximação do seu PSB com o governo federal.


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.