Deputados ‘gazeteiros’ não terão vida boa

A ausência de parlamentares foi assunto recorrente na legislatura passada. Agora, sob o comando do presidente Adriano Galdino (PSB) o tema relacionado sobre a falta de deputado no plenário da Assembleia veio à tona. Galdino disse que não vai tolerar e que o deputado “gazeteiro” vai ter desconto no contracheque no final do mês, caso não ocorra comparecimento nas sessões das terças, quartas e quintas. Precisa ter uma justificativa pra lá de convincente para ser perdoado.

Ora, tem que ser assim mesmo, pois o deputado trabalha apenas três dias na semana. O trabalhador comum precisa comparecer os cinco dias da semana. Do contrário, no final do mês, receberá apenas os dias trabalhado. Foi para forçar a presença do parlamentar em plenário que se investiu na instalação do painel eletrônico, onde é observada a freqüência dos 36 integrantes do colegiado do Poder Legislativo.

Além, é claro, de constar como o deputado votou em determinada matéria. Isto quando o voto é aberto.