Paraíba envolvida em escândalo de R$ 605 milhões

Decerto você não tem conhecimento algum do que o Diário do Poder, editado por Cláudio Humberto, contou. Uma história de escândalo que se tornou normal nos últimos tempos. Fala-se no Brasil em cartão corporativo. Vem de todas as partes no âmbito do governo federal, desde a presidência da República até o inimaginável órgão da administração pública.

Conta o escrito que “na Paraíba, por exemplo, estado que mais recebeu verbas com este carimbo (cartão corporativo) um só funcionário gastou mais de R$ 17 milhões com uma só empresa: a Santana Agroindustrial, que vende grãos e sementes”.

Diz-se, ainda, que “o governo Dilma já gastou, através do cartão corporativo da Defesa Civil, mais de R$ 605 milhões desde que o cartão foi criado em 2012 para auxiliar áreas atingidas por tragédias naturais”.

É só!


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.