PSB SOFRE MAIS 2 DESFALQUES, um deles adere ao projeto do PSDB

Virou rotina e se a moda pega não vai ficar ninguém para contar a história no PSB, cujos filiados estão deixando a legenda “socialista” para se aliar a candidatura dos adversários. É o caso do ex-prefeito de Poço Dantas, Itamar Moreira, que pediu exoneração do cargo de coordenador estadual do Programa Água para Todos. Alegou motivos particulares na carta entregue ao secretário de Recursos Hídricos, João Azevedo.

Na verdade, Itamar foi convidado – e aceitou – para integrar a equipe de Wilson Santiago, candidato a senador na chapa encabeçada por Cássio Cunha Lima (PSDB).

Outro desfalque

Alegando perseguição políticos a aliados, o presidente da Comissão Municipal do PSB de Conde, Charles Pereira, entrou o cargo a direção estadual. Ele comunicou a renuncia ao presidente do partido na Paraíba, Edvaldo Rosas. No documento explicou os motivos: perseguição.

Disse, ainda, que sua saída é um ato de solidariedade aos que classificou de “fogo amigo”. No entanto, não se sabe se foi com o objetivo de apoiar a candidatura do senador Cássio Cunha Lima, a exemplo do que aconteceu com Itamar Moreira, o ex-prefeito de Poço Dantas.

Na semana passada, o prefeito Cícero Francisco, também do mesmo partido do governador reeleitoral, declarou voto ao candidato do PSDB na eleição para o governo da Paraíba.

Veja abaixo carta-renúncia da presidência do PSB de Conde:

Carta Renúnica