Sem vocação para vice, Daniella desmente que irá compor chapa

A uma operação em curso na tentativa de desestabilizar a candidatura do ex-prefeito Veneziano Vital (PMDB) à sucessão governamental de 2014. Até arranjaram uma nova chapa Manoel Júnior (PMDB)/Daniella Ribeiro (PP), uma versão cujo objetivo é bagunçar a cabeça do eleitor que começa a absolver o nome do Cabeludo de Campina Grande.

Ao pressentir a estratégia, a deputada licenciada Daniella Ribeiro veio à boca do palco para desmentir a notícia veiculada nesta sexta (13). “não existe a menor possibilidade de ser vice de Manoel Júnior, nem este é o meu projeto, porque não serei vice nem dele nem de ninguém”.

O que se sabe é que a parlamentar defende uma candidatura própria do seu grupo político, formado pelo seu partido (PP), PT e PSC, batizado de “blocão” durante a vitoriosa campanha municipal de João Pessoa.

“Minha defesa aberta é em favor de uma candidatura do blocão. É o que estamos construindo”, ressaltou Daniella.

Soube-se que o ministro Aguinaldo Ribeiro (PP), irmão da deputada, estaria por trás dessa trama porque as articulações que vem sendo feita em Brasília poderá levar os partidos aliados da base do governo Dilma a formar um único bloco, apoiando a candidatura de Veneziano.

Veio outro desmentido:

“O ministro Aguinaldo é um homem educado e pode até ter sido abordado acerca do assunto, mas, para evitar possível constrangimento, não se manifestou claramente nesta direção por tratar-se de uma conjectura da qual não estamos avalizando”, concluiu.

Blog/Wascom

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.