ELEIÇÃO-2014: Governo deve tirar logo os secretários cassistas

O Palácio da Redenção não confirma, mas já trabalha com o cenário de caça aos cassistas que ocupam cargos de confiança na estrutura do governo, a exemplo das secretárias de Planejamento (Gustavo Nogueira) e Controladoria (Luzemar Martins). Pode ser uma ameaça apenas, até que o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) pare com essa movimentação intensa da pré-candidatura do tucano ao governo em 2014.

palacio

O incômodo do governador “socialista” aumenta dia após dias, porque as articulações políticas do ainda aliado Cássio têm levado a ampliar o descrédito do governo. Existe ameaça de diminuição da base de sustentação política do Palácio na Assembleia, com a filiação dos deputados Lindolfo Pires (DEM), Edmilson Soares (PEN) e Janduhy Carneiro (PEN) ao PSDB de Cássio.

Dois desses parlamentares – Edmilson e Lindolfo – votam com o governo. Um deles disse que está chegando ao ninho dos tucanos “porque tive a certeza de que Cássio é candidato a governador”.

Também têm causado desconforto porque a movimentação de Cássio ocorre sem conhecimento do governador, que evita falar sobre assunto quando abordado pelos repórteres a pretexto de informar o que pensa sobre o assunto.

O deputado Hervásio Bezerra (PSDB) reconheceu, em entrevista, que há uma situação de desconforto em relação ao senador Cássio Cunha Lima. Entende que “cada vez mais o espaço fica mais estreito”.

No grupo “socialista”, há um forte movimento, na mesma intensidade do desgaste provocado pelo senador tucano; para tirar os cassistas antes de qualquer reforma que venha ser feita futuramente.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.