DATAFOLHA: Depois dos protestos, Dilma emagrece 27 pontos

dilma

As notícias deste sábado (29) não são nada agradáveis para a presidenta Dilma Rousseff. Isto porque a popularidade dela segue de ladeira abaixo depois dos protestos das últimas duas semanas.

A Folha de São Paulo, em sua edição de hoje, publica uma pesquisa de intenção de votos do Instituto Datafolha. Aponta uma queda de 27 pontos percentuais na avaliação positiva do governo. O blog compilou dados da pesquisa na coluna do jornalista Ricardo Noblat.

Ou seja, a popularidade da presidenta Dilma desmoronou. Efeito das manifestações que enchem as ruas das principais cidades do país.

De acordo com a Folha, “hoje, 30% dos brasileiros consideram a gestão Dilma boa ou ótima”. Os números revelam ainda: “Na primeira semana de junho, antes da onda de protestos que irradiou pelo país, a aprovação era de 57%. Em março, seu melhor momento, o índice era mais que o dobro do atual 65%”.

Para o jornal, “é a maior redução de aprovação de um presidente entre uma pesquisa e outra desde o plano econômico do então presidente Fernando Collor de Mello, em 1990, quando a poupança dos brasileiros foi confiscada”.

Chega a ser dramática a situação do governo, conforme mostra a Folha fazendo uma comparação em relação a pesquisa feita há três semanas. Do total de brasileiros que julga a gestão Dilma como péssima foi de 9% para 25%. Significa: numa escala de 0 a 10, a nota média da presidente caiu de 7,1 para 5,8.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.