Trem da alegria: Deputada denúncia inchaço da folha de pagamento

Sempre que é atacado pelos adversários políticos, o prefeito Romero Rodrigues (PSDB) se mostra incapaz a esboçar qualquer tipo de reação. Parece concordar com tudo, a exemplo da denúncia da deputada federal Nilda Gondim (PMDB), que apresentou dados sobre contratações de prestadores de serviço – sem concurso público, o que é pior – pela atual gestão de Campina Grande.

Se contra números não há argumento, talvez, por isso, o prefeito campinense tenha concordado com a denúncia proferida pela deputada Nilda Gondim. “Na administração de Veneziano (Vital) existiam cerca de 130 prestadores de serviço (…). Hoje, já são mais de 600…”.

“… O que é lamentável (…). No período em que Veneziano foram realizados mais de 10 concursos públicos; contratou pessoas qualificadas e pelo critério do concurso, que é ético e legal (…). Agora, Campina vive essa de retrocesso”.

Quando assumiu o cargo de prefeito de Campina Grande, em 2005, Veneziano encontrou cerca de 9,500 servidores na prefeitura, “destes, quase cinco mil eram contratados sem concurso, por apadrinhamento…”.

“… Veneziano adotou, então, o critério do concurso público para a contratação e simplesmente mudou esta realidade”.

Dados que a gestão atual é incapaz de contestar mostram que Veneziano entregou o governo com aproximadamente 9.600 servidores, cem a mais do que encontrou em 2005. Porém, apenas cerca de 450 detentores de cargos comissionados. “O restante o prefeito ( ex) Veneziano contratou através de concurso público”.

A deputada lembrou que Campina Grande, ao final da gestão de Veneziano, foi classificada entre as cidades do país com menor quantidade proporcional de prestadores de serviço, em relação ao fixo de funcionários. “E hoje essa realidade já mudou, com a administração que se encontra contratando de forma despudorada”.

Portanto, o prefeito Romero seria “incapaz” de desconstruir uma denúncia onde os números falam mais alto.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.