Em sintonia com o povo, Gadelha vê declarações de Vené sensatas

Presidente estadual do PSC, o ex-senador Marcondes elogiou declarações do pré-candidato ao governo Veneziano Vital do Rego (PMDB), quando defendeu a postulação não só da sua, mas de outras candidaturas do bloco de oposição para as eleições de 2014, na Paraíba.

“Sensatas, uma demonstração de amadurecimento político de quem, na realidade, está preparado para a disputa de força com o candidato a reeleição”, disse Gadelha durante entrevista ao programa Rede Verdade (TV Arapuan) nesta segunda (6).

Nesta mesma linha do eleitorado ter outras opções na disputa pelo governo do Estado, o dirigente da legenda cristã destacou que o blocão formado pelo seu partido (PSC), PT e PP também terá um nome para concorrer as eleições majoritárias do próximo ano.

Destaca que o grupo vitorioso da eleição municipal de João Pessoa tem nomes importante, citando o ministro Aguinaldo Ribeiro (PP), o ex-deputado e presidente estadual do PT, Rodrigo Soares e, ainda, o seu próprio pelo PSC. Também do deputado federal Leonardo Gadelha.

“Existem bons nomes em nosso bloco político, mas é uma definição que somente ocorrerá no segundo semestre deste ano (…). Neste momento, discute-se projetos pragmáticos”, ressaltou.

De fato, o blocão que elegeu o petista Luciano Cartaxo prefeito de João Pessoa tem nomes importantes e que poderão repetir a dose da eleição municipal. Basta lembrar que, juntos, esses partidos tem sete deputados estaduais, dois federais, um ministro de estado e o prefeito da capital.

Parafraseando o saudoso Tancredo Neves, o também vice-presidente nacional do PSC destacou: “política é conversa; o resto é conversa (…). Já dizia Tancredo (risos)”.

Aproveitou para alfinetar a gestão do governador Ricardo Coutinho (PSB), principalmente o caos na segurança público, na educação e na saúde. “O povo quer mudança; não agüenta mais tanta violência”.

Gadelha está coberto de razão. Prova de que sintonizado com quem mais reclama: o povo.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.