Vitor Hugo, o ingrato, abandona União Brasil

Conforme previsto, o prefeito Vitor Hugo (foto) anunciou sua desfiliação do União Brasil, partido que lhe abriu as portas oferecendo a vice-presidência, função partidária que não merecia.

Alegou que a saída ocorreu a pretexto de “trilhar novos rumos”. Saiu sem anunciar o próximo destino partidária. Porém, é rejeitado e alguns deles, a exemplo do PSB do governador João Azevêdo, que rejeitou o seu perdão.

Preciso me despedir desse partido maravilhoso, onde tive grandes conquistas. Onde comecei minha carreira lá atrás como candidato a vereador ainda na cidade pelo antigo PFL”, disse.

Disse ter sido “resgatado que fui pelo amigo irmão Juliam Lemos, pelo cara que admiro, Bivar, presidente nacional desse partido (UB)”.


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.