Ricardo tem recurso rejeitado por unanimidade no STF

Réu em diversas ações penais relacionadas a Operação Calvário, o ex-governador Ricardo Coutinho (PT) vem acumulando sucessivas derrotas jurídicas. A mais recente delas no Supremo Tribunal Federal (STF).

Por unanimidade, a Suprema Corte rejeitou recurso contra a inelegibilidade do petista. Teve como relatora a ministra Carmen Lúcia, que lhe aplicou uma multa, já que a condenação perdeu o objeto no último dia 5 de outubro.

O voto da relatora foi acompanhado pelos ministros Alexandre de Moraes, Roberto Barroso e Luiz Fuz. Dias Toffoli se averbou suspeito. Portanto, as derrotas políticas vêm acompanhadas com as jurídicas.

Ou seja, além de queda, coice.