Candidatura de Veneziano ao governo sobe no telhado

O candidato Veneziano (MDB) está em polvorosa com o pedido de impugnação do seu colega Ricardo Coutinho (PT), pois a saída do petista do páreo da disputa pelo Senado poderá significar o abandono do petismo da postulação do emedebista.

Porém, esse não é o único problema. Na hipótese de Ricardo jogar à toalha, ele pode sugerir a indicação do ex-deputado federal Luiz Couto, ou de sua companheira Amanda Rodrigues para ocupar a vaga na chapa.

O emedebista não aceita nenhum desses nomes. O primeiro [Couto], o candidato do MDB teve um problema sério lá atrás, quando o religioso comandou a CPI da Pedofilia.

Já o nome de Amanda ninguém a suporta após ter chamado o candidato Veneziano de “falso” pelas redes sociais. É crise por cima de crise e o caminho seria a desistência, que não deve ocorrer por causa do fundo partidário.