Investigado que escondeu celular é preso no desdobramento da Calvário

A 9ª fase da Operação Calvário deflagrada na terça-feira (29) por ordem do Superior Tribunal Federal teve desdobramento na noite passada, com a prisão de Sérgio Ricardo Ribeiro Gama Filho, ex-assessor do Tribunal de Contas do Estado (Paraíba).

Durante a ação, os federais encontraram um celular enterrado em um vaso de planta. Quando indagado pelos agentes o porquê (?) do equipamento está naquele local, Sérgio respondeu que estava “rezando”.

Sérgio Filho está em meio a investigação da Operação Calvário junto com o seu pai Sérgio Ribeiro Gama, acusados de intermediarem transações suspeitas com o conselheiro Arthur Cunha Lima, alvo da 9ª fase no esquema de desvio de recursos públicos da saúde e da educação dos paraibanos.

Ao pedir a prisão de Sérgio Filho, veja o que disse a subprocuradora Lindôra Araújo comentou: “É difícil de imaginar o que será capaz de fazer o investigado longe dos olhos do Estado”.

A Operação Calvário, como se sabe, é aquela que prendeu o ex-governador Ricardo Coutinho e parte da staff o ex-governo do PSB, sob acusação de desviar mais de R$ 134 milhões da saúde, além de outros crimes em investigação. 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.