Tropas federais para resolver a violência em Pedras de Fogo

O deputado Branco Mendes, do Podemos, defendeu a presença das tropas federais durante as eleições de Pedras de Fogo no dia 15 de novembro por causa do clima de violência provocado pelo grupo político do prefeito Dedé Romão, que indicou o sobrinho Lucas Romão para ser seu sucessor.

Neste período da campanha, em uma semana, principalmente depois do resultado da pesquisa Datavox, que revelou ampla vantagem do candidato Dr. Júnior, do Solidariedade, o clima que já estava quente, a temperatura aumentou ainda mais.

No final de semana aconteceram agressões registradas em vídeo. Até uma mulher foi covardemente agredida pelos aliados do prefeito Dedé Romão e Lucas. A jovem registrou Boletim de Ocorrência na delegacia e agora cobra justiça para o caso.

O grupo de valentões, segundo está sendo apurado, é liderado pelo tio do secretário de Administração do Município, Arthur Guedes de Vasconcelos Sousa, mais conhecido por Arthur do Canto, que está sendo indiciado acusado de agredir o jovem Anderson Antônio da Silva durante evento político da cidade.

Para o deputado Branco, “a Justiça Eleitoral e a secretária estadual de Segurança precisam intervir imediatamente para garantir a segurança dos eleitores de Pedras de Fogo. A impunidade tem feito com que os casos de violência aumentem a cada semana…”

“… Por isso, defendo o envio de tropas federais para garantir a segurança dos eleitores e evitar mais derramamento de sangue na cidade, como já aconteceu no caso do empresário Abson Matos”, arrematou Branco.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.