Adriano prorroga suspensão até 5 de maio, mas sistema remoto segue

Por questão de segurança, o presidente Adriano Galdino prorrogou as medidas protetivas no âmbito da Assembleia Legislativa em decorrência da pandemia coronavírus. No entanto, as atividades de votação seguem no sistema remoto, a exemplo do que ocorre nos parlamentos nacionais.

A suspensão, agora, vai até 5 de maio e segue o decreto do Governo do Estado, baseada em recomendação da OMS – Organização Mundial de Saúde, o de manter o isolamento social. O anúncio foi feito no último sábado (18), através de uma live do presidente Galdino.

Ele, na ocasião, informou que nesta quarta-feira (22) a Assembleia aprecia projetos de lei dos deputados Ricardo Barbosa, Estela Bezerra e Lindolfo Pires, além de sua autoria, que determinam redução nas mensalidades das instituições da rede privada de ensino infantil, fundamental, médio e superior, bem como das escolas de cursos preparatórios e profissionalizantes.

“É uma questão polêmica, mas não faz sentido os pais continuarem pagando por algo que não está sendo oferecido. Sem alas, as escolas diminuem seus gastos e precisam repassar isso para aqueles que se esforçam para pagar mensalidades de escolas e faculdades”, comentou Adriano Galdino.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.