Sete a favor da propina, dois contra, uma abstenção e outro sumiu

A bancada paraibana votou quase em sua totalidade a favor de Wilson Santiago, exceto os deputados Pedro Cunha Lima e Ruy Carneiro, que disseram “não” ao relatório do relator, que votou pela derrubada da decisão do ministro Celso de Mello, do STF.

A favor de Santiago: Aguinaldo Ribeiro, Damião Feliciano, Efraim Morais Filho, Gervásio Maia, Hugo Motta, Wellington Roberto e Frei Anastácio. Edna Henrique, se absteve; e Julian Lemos não foi nem lá.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.