Ruy critica privilégio a filhas solteiras de ex-parlamentares

O deputado federal Ruy Carneiro engrossou o coro dos políticos que defendem o fim dos pagamentos de pensões a 194 filhas solteiras de ex-parlamentares, também de ex-servidores da Câmara.

A denúncia foi jogada no asfalto pelo Jornal O Estado de S. Paulo, que revela um custo de mais de R$ 30 milhões e vem sendo pago há décadas. “É inaceitável e absurdo este privilégio”, avaliou.

“Ainda mais neste momento de grave crise porque passa o Brasil, com milhões de pessoas desempregadas”, acrescentou o parlamentar tucano.

Para ele, “o Brasil mudou e não aceita mais esse tipo de privilegio (…) É urgente colocar um fim a isso tudo que consome os recursos que deveriam ser usados para melhorar o atendimento na saúde e a qualidade da educação”.

Existem outros privilégios, além do salário a filhos de ex-parlamentares, Ruy também quer o fim do 14º e 15º, auxílio mudança e da pensão de ex-governadores.

Assim, o deputado paraibano reforça a posição do presidente da Câmara, Rodrigo Maia, “que vem lutando para acabar com este privilégio inaceitável”, concluiu.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.