Aracilba perde emprego após ser denunciada na Operação Calvário

A engenheira Aracilba Rocha está demitida da direção financeira do Centro de Pesquisa de Energia Elétrica, depois de denunciada pelo Ministério Público da Paraíba no âmbito da Operação Calvário/Juízo Final.

Como se sabe, Aracilba é “pessoa de confiança” do ex-senador Ney Suassuna e é acusada de “intermediação da Orcrim com vários operadores, agentes políticos e lobistas”, conforme o Ministério Público.

Aracilba ingressou na Eletrobrás durante o governo do presidente Michel Temer.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.