Ivan afirma ter transportado R$ 1,8 milhão do Paraná e Fortaleza

O ex-deputado federal Ivan Burity disse, em sua delação premiada, que tinha sim uma função dentro do esquema criminoso que assaltou os cofres públicos da Paraíba por 8 anos.

Confirmou que era o transportador de dinheiro, que foi buscar R$ 800 mil no Paraná e, depois, R$ 1 milhão em Fortaleza, grana utilizada durante a campanha de 2014 à reeleição do ex-governador Ricardo Coutinho.

Ivan declarou que não tinha preocupação com o transporte, porque era feito em voo fretado e, cuja movimentação, segundo ele, acontecia no hangar do Governo do Estado porque não havia fiscalização, nem abordagem oficial.

Como se sabe, o ex-secretário foi preso durante a 5ª fase da Operação Calvário, sendo solto antes do Natal passado. O depoimento dele combina com de Livânia Farias, ex-secretária de Administração, também ex-presidiária no âmbito da Operação Calvário.

Bradesco

Ivan jogou no asfalto que à venda da folha de pagamento ao Banco Bradesco rendeu ao ex-governador Ricardo de 3 a 4 milhões de reais de propina.

Foto: Reprodução/TV Paraíba

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.