Pedro: contra o personal; a favor dos trabalhadores

Usando a “palavra de ordem”, o deputado federal Pedro Cunha Lima (PSDB) veio à boca do palco para explorar um assunto que sentou a praça na semana passada: a contratação pelo Tribunal Regional do Trabalho, da Bahia, de personal trainer. A propósito, um absurdo se levado em consideração o momento de crise que o país está atravessando.

Com a palavra o jovem parlamentar: “Enquanto estivermos tolerando auxílio personal treiner não se pode admitir mexermos no trabalhador do campo, no trabalhador rural. Portanto, a reforma do custo da máquina é algo que não pode ficar só em discurso de tribuna. Temos uma obrigação com o país”.

A justificativa do tribunal baiano: “Vai melhorar o astral dos funcionários, etc e tal”. O deputado Pedro Cunha Lima retruca: “Ora, apesar das doenças constatadas não é o caso de utilizar dinheiro público para contratar personal”.