O que seria inteligente para o prefeito Romero Rodrigues?

Sem dúvida, “não é inteligente definir já este ano o candidato ao governo”, conforme introduziu o prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues (PSDB), em entrevista no programa Frente a Frente da TV Arapuan na noite passado. Também é pouco inteligente não levar para o protagonismo quem está em melhor situação eleitoral.

Romero pode ter em razão em tudo que disser neste momento, mesmo que está em condição eleitoral melhor em relação ao colega de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD). A propósito, os dois vivem um dilema idêntico: os respectivos vices. Aqui, Manoel Júnior (PMDB) e lá, em Campina Grande, Enivaldo Ribeiro (PP).

O que seria inteligente deixar o candidato do governador Ricardo Coutinho (PSB) solto, estadualizando o nome de João Azevedo ou continuar com o debate já com a definição dos nomes de Romero e Luciano Cartaxo? O blog soube, e em Campina o assunto corre solto; é que o prefeito deseja emplacar a primeira dama do município na vice.

Se for verdade, ninguém é capaz de subir no palco para confirmar a informação, até porque esse assunto Romero só quer deixar para o ano das eleições. Dai ele não achar inteligente definir já este ano o candidato ao governo pelo lado das oposições.