Casamento de Cássio não teve presença do ‘poder’

A lista não incluiu grandes personalidades do mundo político do país. Até caberia por se tratar o senador Cássio Cunha Lima (PSDB) um dos nomes importantes do seu partido, com grandes chances de ser escolhido presidente nacional dos tucanos; além de um dos parlamentares com maior destacada atuação no Senado da República.

Pois bem. A nata da política da nação não esteve presente. Apenas familiares e poucos amigos. Cássio preferiu a discrição ao se casar neste sábado (12) com

Jacilene Azevedo, mas logo alcançou grande repercussão por causa da veiculação das redes sociais do matrimônio.

Os amigos trataram o casamento surpresa. Tanto é verdade que não roçaram cotovelos na capital do Estado de políticos de nenhuma coloração pluripartidária.

Nas páginas das redes sociais, Cássio postou: “Hoje estarei me casando com Jacilene Alves de Azevedo, ou simples Jaci. Aos mais próximos nossas desculpas pela audiência de um convite: não haverá festa. Um recomeço… Que Deus abençõe nossa União”.