Prefeito enfrenta mais um capítulo do indeferimento

A vida para o prefeito Zenóbio Toscano (PSDB), candidato à reeleição, não está fácil. Ele enfrenta o problema de registro depois que suas contas foram reprovadas pela Câmara Municipal de Guarabira. Nesta segunda-feira (12), o Ministério Público da Paraíba interpôs um recursos contra o deferimento do registro de candidatura de ZT. Assina a ação a promotora de Justiça Andréa Bezerra Pequeno de Alustau, da 10a Zona Eleitoral.

A promotora eleitoral lembra que, após o encerramento do prazo para impugnações ao registro de candidatura do candidato, que até então não tinha nenhum empecilho, a Câmara Municipal de Guarabira (CMG), em análise à prestação de contas de Zenóbio, derrubou o parecer do Tribunal de Contas do Estado (TCE), acatando a manifestação do Ministério Público de Contas e da auditoria do TCE.

“Isso gerou causa de inelegibilidade superveniente, o que motivou o ajuizamento por mim de recurso inominado contra a decisão que deferiu o registro de candidatura de Zenóbio”, explica Andréa Bezerra, ressaltando:

“Lembrando que, de acordo com a minirreforma eleitoral, o prazo para substituição de candidatos, por qualquer motivo, se encerra hoje (12 de setembro) e, caso o TRE acate o recurso interposto por mim, a chapa de Zenóbio será indeferida e a coligação não poderá fazer substituição de sua candidatura”.

Blog/MPPB