Raoni Mendes mira em Cartaxo e atinge antecessores

Cotado para ser o vice na chapa a ser encabeçada pelo PSB, o vereador Raoni Mendes (DEM) defendeu uma intervenção federal na polêmica discussão em torno da erosão da barreira do Cabo Branco, onde está localizado o Ponto Extremo das Américas. Na ânsia de atingir o governo municipal, de quem é opositor ferrenho – antes aliado de carteirinha -, ele acabou atingindo o governador Ricardo Coutinho, que quando prefeito da capital mexeu muito naquela área com a construção da Estação Ciência.

Disse ele: “Nossa luta tem sido constante junto aos ‘Amigos da Barreira’ para preservar a falésia do Cabo Branco. Precisamos urgente de uma intervenção federal, pois a atual gestão municipal tem procurado culpados para justificar a negligência da administração para resolver o descaso”.

Como é um problema que não foi causado pela atual gestão, o vereador Raoni Mendes acaba remetendo para os antecessores, sobretudo os prefeitos que antecederam a Cartaxo, principalmente Luciano Agra, morto ano passado. Foi Raoni que em 2014 deu nota “zero” ao governo Ricardo Coutinho. Quem não está lembrado?