Charliton reage a saída de ‘fininho’ de Cida Ramos

Presidente licenciado do PT Estadual, Charliton Machado surgiu na mídia cobrando um posicionamento dos colegas pré-candidatos à sucessão municipal de João Pessoa. Ele quer que os aliados da presidente afastada Dilma Rousseff vão ao encontro dela na visita programada para a próxima semana a capital do Estado.

Deu-se após tomar conhecimento que a socialista Cida Ramos está saindo de “fininho” para não recepcionar a presidente, alegando um compromisso fora do Estado justamente no dia da visita de Dilma, que aqui vai estar para proclamar que sofreu um “golpe” e que precisa voltar ao poder do Brasil. Charliton já antecipou que o prefeito Luciano Cartaxo (PSD) é ausência certa:

“Nem mesmo quando era do PT, ele pôs a cara para fazer a defesa dos movimentos sociais e populares”, comentou se referindo ao prefeito da capital, ex-petista.

Já sobre Cida Ramos, uma das maiores defensoras da presidente afastada, isso quando não era pré-candidata a Prefeitura de João Pessoa, Machado disse que “se alguém mudar de posição ou tem posição diferente, não me cabe julgar…”.

“[…] Cabe á sociedade julgar quem mudou de posição. Cida sempre esteve em todas, ela é uma figura que vem dos movimentos de esquerda e esteve conosco em todos os momentos, não tenho nada a reclamar dela quanto a isso. Todo mundo viu, todo mundo acompanhou que ela sempre foi militante participativa de todos os movimentos a favor da democracia”, concluiu.

Charliton, que deverá concorrer à sucessão municipal nas eleições deste ano, não percebeu que vive-se atualmente outros tempos. Então, está jogando palavras ao vento.