Durval se move para evitar punir vereador ‘agressivo’

Nada impede o presidente Durval Ferreira a tomar qualquer atitude contra os vereadores, principalmente aqueles que insistem em desobedecer o regimento interno da “Casa”. Dizia um parlamentar: “Napoleão Laureano (como é conhecida a Câmara Municipal) não está gostando nada disso”. Se referia ao bate boca entre vereadores de situação e oposição.

Demonstrando um certo descontrole, o vereador Renato Martins (PSB), líder da oposição, põe-se a provocar os colegas da base de situação porque não assinaram a CPI para investigar gastos com as obras da Lagoa. O parlamentar socialista acusou seus colegas defensores do prefeito Luciano Cartaxo de “vendidos”.

Líder do governo municipal, o vereador Marco Antônio (PPS) vai esperar o colega Renato na Justiça. “Respeite a honra das pessoas; você (Martins) já me chamou de prevaricador”, expondo que “eu já denunciei o senhor criminalmente”. A coisa anda feia pelo lado da Câmara Municipal. Por isso, o presidente Durval Ferreira chamou o feito a ordem.