Ruy ‘descobre’ o Brasil quando diz que ‘Cássio é quem manda’

Ex-deputado federal e ex-deputado estadual, Ruy Carneiro acabou de “descobrir” o Brasil quando declara que o senador Cássio Cunha Lima é que decidirá o rumo que o PSDB irá tomar nas eleições municipal de João Pessoa. Se vai com candidatura própria, ou segue coadjuvante de quadros de outros partidos. Carneiro também resolveu bater de frente com os vereadores tucanos, integrantes da bancada de sustentação do governo municipal.

Quando declara a pré-candidatura, os vereadores alardeiam que não aceitam de jeito nenhum. É a certeza de derrota. Ruy imprime um discurso totalmente diferente do defendido pela presidente do PSDB de João Pessoa, Lauremília Lucena. Ela quer que a definição do futuro dos tucanos da capital seja resolvido no conjunto do partido, reconhecendo que Cássio, no final das contas, é quem manda.

Ruy (pré) candidato é o mesmo que levar o Partido da Social Democracia Brasileira para o fundo do poço. Por isso, os vereadores Eliza Virgínia, Luis Flávio e Marcos Vinícius se anteciparam em pedir a presença do tucanato na base aliada do prefeito Luciano Cartaxo (PSD), virtual candidato à reeleição. Sem ter o que dizer sobre essa movimentação dos parlamentares, só restou a Carneiro afirmar: “Acho muito natural a posição dos vereadores”.

Porém, quer impor sua candidatura a prefeito de todo jeito: “Eu sou o presidente estadual do PSDB”. No entanto, ele não pode ser candidato de si próprio.


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.