População empurrou Luciano Cartaxo para fora do PT

Como se sabe, o PT é um partido como outro qualquer. Porém, atualmente é a sigla mais contaminada entre as existentes. Antes de anunciar a separação do petismo, o prefeito Luciano Cartaxo (PSD) foi ouvir as vozes rocas das ruas. Quis saber o que a população achava da saída e ouviu o sussurro:  sai, esse partido já não mais de pertence.

Então, Luciano preferiu seguir o que a população disse através da consulta realizada por um grande sistema de comunicação da Paraíba, conforme pontuou o repórter Clilson Júnior em sua coluna, onde destaca, entre outras coisas que “foram entrevistadas 404 pessoas em 58 bairros de João Pessoa. A sondagem foi para avaliar o momento político…”.

“[…] Com margem de erro de 4%, os dados coletados apontaram dados surpreendentes sobre a decisão tomada pelo prefeito Luciano Cartaxo, que na última quinta-feira anunciou sua desfiliação do PT, assinando ficha de filiação do PSD”.

De fato, o resultado da consulta foi surpreendente. Pois bem, 67% atestam que o prefeito da Capital tomou a decisão acertada de deixar o PT, enquanto 33% disseram que ele errou.  Também foram avaliadas as gestões, além de Luciano; do governador Ricardo Coutinho (PSB) e da presidenta Dilma Rousseff (PT).

Sobre o aspecto da avaliação da gestão, o governo de Cartaxo obteve 52% de aprovação. Ou seja, a sociedade de João Pessoa gosta da maneira de administrar do prefeito. Já 20% disseram ser uma gestão boa e 25% como uma péssima administração.

Resumindo: Luciano Cartaxo tem muito o que comemorar, pois os números mostram que ele acertou quando deixou o PT e acerta a maneira como que governa a capital dos paraibanos. Porém, quando fala-se em comemoração é que seja com os pés no chão. Assim é que está sendo feito.