Cássio: ‘Dilma deveria ter gesto de grandeza e renunciar’

Líder do PSDB no Senado, Cássio Cunha Lima avalia que “as manifestação de domingo revelaram o sentimento de desejo de mudança do povo brasileiro, e só um governo deslocado da realidade não compreende esse recado”. Anotou que “famílias inteiras, crianças, idosos caminhavam pelas ruas do Brasil, de forma pacífica, cantando o Hino Nacional, lutando por um futuro melhor…”.

“[…] Foi um dos dias mais belos da nossa democracia”, disse o líder dos tucanos sobre a repercussão do ato de 16 de agosto contra o governo da presidente Dilma Rousseff e o PT. Ao adiantar que o protesto transcorreu com a mais absoluta paz e harmonia, Cássio acrescentou: “Não se viu uma lâmpada quebrada, uma vitrine arrancada”.

A renúncia é um gesto de grandeza¿ Sem dúvida, é o caminho. Eu tenho certeza de qe o Brasil é maior do qualquer turbulência. A falta de credibilidade do governo é um obstáculo quase intransponível para o país sair da crise. A forma mais eficaz, mais rápida, para o encurtamento desse tempo de crise seria um gesto de grandeza por parte da presidente da República, com a renúncia de seu mandato, para que nós pudéssemos ter um novo governo legitimado e com a credibilidade necessária para fazer a concertação que o país precisa.

A presidenta mentiu para a Nação¿ Ela, de forma deliberada, por escolher o caminho de tentar ganhar a eleição a todo preço, a todo custo, resolveu enganar, de forma desleal, a confiança do povo brasileiro, porque tudo que está acontecendo hoje já era do conhecimento dela.

 Até quando vai se tolerar essa situação¿As pessoas não aguentam mais trabalhar e pagar impostos para manter um Estado inchado, com 39 ministérios, com milhares e milhares de cargos comissionados ocupados pelos petistas e seus simpatizantes, que recolhem contribuição para o partido, para manter um projeto de poder do Partido dos Trabalhadores (…). E é o que está sendo dito, e é o que foi dito ontem nas ruas, mas não podemos abusar da paciência do nosso povo, não podemos achar que vamos tolerar isso a vida inteira.

O que fazer para superar esse momento¿ Como bem disse o nosso presidente nacional, senador Aécio Neves, a Constituição é a nossa arma. E será com ela que vamos lutar pelo fortalecimento das instituições para que as apurações tenham prosseguimento, para que possamos tirar o Brasil da crise, fazendo cumprir a Constituição e fazendo respeitar a legislação infraconstitucional.

O caminho é nova nova eleição¿ Pelos crimes praticados pela presidente Dilma Rousseff durante o período eleitoral, tenho certeza de que, pela jurisprudência do Tribunal Superior Eleitoral, também temos essa possibilidade real de novas eleições, para que finalmente possa nascer um governo com a credibilidade e a legitimidade necessárias para retirar o país da crise, porque a crise se aprofunda, se avoluma e é retroalimentada pelo próprio governo.

Blog\Assessoria


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.