Apelo a Cláudio Lima: por favor, pede pra sair!

O governador Ricardo Coutinho (PSB), como se sabe, não toma decisões sob pressão de ninguém, nem mesmo dos aliados imagina dos inimigos políticos. Porém, é preciso uma reflexão de tudo quanto vem ocorrendo com a segurança pública do Estado. Hoje, não se tem mais sensação de insegurança, até porque os casos de violência só estão de avolumando.

Portanto, necessário se faz dar uma sacudidela e chegou a hora do próprio secretário Cláudio Lima reconhecer que não dá mais, pois o time que comanda está perdendo demais e não adianta insistir, porque a tendência é continuar perdendo.

Os deputados, claro de oposição, reconhecendo a fragilidade do setor de segurança não precisam mais pedir a cabeça de Cláudio Lima. Espera que ele mesmo reconheça que o fator confiança e credibilidade contam muito para a manutenção do auxiliar no cargo e nestes dois aspectos não existe mais em relação ao titular da SSP. Então, não tem a quem apelar senão ao próprio “ex” futuro e ainda secretário de Segurança do Estado.

No entanto, para o governo Cláudio Lima é “insubstituível”, fator que desgasta a imagem da gestão socialista, que não consegue controlar a onda de violência que está atingindo a todas as regiões do Estado. Ou seja, falta humildade para reconhecer que a segurança está anos luz da bandidagem.

Nesta guerra, a bandidagem ganha de goleada porque tem feito vítimas horas após horas.