Deputada critica deselegância da bancada federal

Sem dúvida, mais grave do que a crise interna do PSB foi a ausência da grande maioria dos parlamentares integrantes da bancada federal paraibana na reunião com o governador Ricardo Coutinho. Apenas compareceram os deputados Efraim Filho (DEM), Veneziano Vital (PMDB), Wilson Filho (PTB) e Damião Feliciano (PDT) e o ex-deputado Ruy Carneiro, presidente do PSDB estadual, que representou o senador Cássio Cunha Lima e o deputado Pedro Cunha Lima.

Em entrevista a uma emissora de rádio nesta terça (28), quando instada a falar sobre a ausência dos parlamentares, principalmente dos senadores aliados José Maranhão (PMDB) e Raimundo Lira (PMDB); a deputada Estela Bezerra expôs seu ponto de vista considerando essa situação muito “mais grave” do que a crise interna do PSB por causa da desavença do secretário Fábio Maia e o presidente da Assembleia, Adriano Galdino (PSB).

Primeiro, ela disse que a crise é uma coisa “superável”, mas sobre a falta de atenção da bancada, Estela não perdoou:

– Muito grave é a o governador convocar reunião com a bancada federal e não conseguir uma unidade da bancada para que a Paraíba se paute com interesse de todos. Isso sim é preocupante. essa questão menor não interfere no interesse da Paraíba”, disse.

Foi deselegante demais.


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.