Passagem de Eduardo Cunha por Natal foi tranqüila

A passagem do deputado Eduardo Cunha (PMDB-RJ), presidente da Câmara Federal, ainda repercute negativamente. Ao contrário, em Natal, o terceiro da linha sucessória do país foi de absoluta tranqüilidade, sem atropelos, tumultos e ele pode debater com os parlamentares locais o projeto de reforma política já em tramitação no Congresso Nacional.

Hostilizado por segmentos da sociedade paraibana ligado ao segmento político do Estado, conforme ficou comprovado, Cunha chegou a enfrentar protestos e manifestações. No entanto, não teve maiores problemas porque houve total segurança e garantiu a normalidade dos trabalhos.

Como aqui não houve discussão por que a sessão foi suspensa, em Natal o presidente da Câmara Federal descartou a prorrogação de mandatos dos atuais prefeitos e vereadores no projeto de reforma política, conforme vem sendo aventado na possibilidade de ocorrer mudanças no sistema político ainda este ano.

Sustentou Eduardo Cunha:

– Não adianta. Qualquer prorrogação é inconstitucional. Não vai ter prorrogação de mandato.

Bem, simples assim.

Imagem: G1 (RN)


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.