PSB e aliados detêm vantagem sobre oposição

Contando com seis deputados, o PSB detém a maior bancada entre os partidos que formam o colegiado na Assembleia.  É natural que os socialistas se movimentem para assumir a presidência das duas comissões mais importantes da “Casa”: Constituição e Justiça e de Orçamento Público.

Afora a proporcionalidade, somados ainda as legendas da base aliada, o PSB ainda conta com o presidente da Assembleia, Adriano Galdino. Portanto, não tem o que ser questionado porque em qualquer disputa sempre levará vantagem sobre quem tentar se opuser ao projeto traçado pelo partido governista.

“Em primeiro lugar, é importante que aconteça uma boa discussão em torno da composição das comissões, até porque a casa (Assembleia) precisa trabalhar e é perfeitamente natural que o PSB ocupe a presidência CCJ (Constituição e Justiça) e de Orçamento e espera que ambas tenham uma boa composição”, comentou a deputada socialista Estela Bezerra.

É importante ressaltar que o clima neste momento é de inteira paz. Não se sabe, porém, se permanecerá assim no começo da próxima semana. Na segunda (23), os deputados de oposição – não se tem conhecimento de quantos – têm reunião marcada  para definir posturas, também nomes que vão compor as comissões.

Antes, no entanto, precisa definir o deputado que vai liderar o bloco oposicionista, que deve estar em minoria. Pelo menos se levado em consideração o perfil dos grupos partidários. De qualquer forma os nomes mais comentados são dos parlamentares Janduhy Carneiro (PTC) e Renato Gadelha (PSC).

Agora, que vai haver disputa pela presidência das comissões mais importantes do parlamentar, disso ninguém tem dúvidas. Mas, lembrando: o PSB detém larga vantagem sobre os demais partidos.