A caminho do PROS, PSC, PSD, ou do PT. Quem sabe!

O prefeito Romero Rodrigues está preparando sua transferência partidária. Para ele, o PSDB faz parte do passado e estuda convite do PROS, também do PT. Esta decidido. Quer deixar o ninho dos tucanos porque não pretende ser o senador Cícero Lucena – não lhe permitiram concorrer à reeleição – do futuro. Acha necessária a mudança de filiação partidária, até para dar um gás a sua trajetória política, caminhando com as próprias pernas.

Outros dois partidos têm interesse em receber Romero como seu filiado: PSD do então vice-governador Rômulo Gouveia e o PSC do suplente de deputado federal Marcondes Gadelha. Romero cria a seguinte situação: “Não vou dizer que não pode haver essa possibilidade de mudança”.

O cenário é propício para uma saída. E já!


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.