Crime eleitoral? Vereador distribui bolas com carro adesivado do ‘quarenta’

Vem de Campina Grande um flagrante de crime eleitoral, cujo personagem principal é o vereador Napoleão Maracajá (PC do B-foto). Ele disputou as eleições para deputado estadual, mas não obteve êxito. Candidatou-se na coligação de partidos que apóia o governador Ricardo Coutinho (PSB).

Napoleão Marajá é vereador em Campina Grande. Sindicalista, faz oposição ferrenha ao prefeito Romero Rodrigues (PSDB). Pois bem. O parlamentar foi flagrado distribuindo bolas às crianças, sem que tenha nenhuma ONG que possa justificar sua atitude, ainda mais com carro cheio de adesivos do candidato Ricardo Coutinho.

Segundo o blog do Gari, editado por Martins da Cachoeira, “essa ação gera uma conotação negativa eleitoral em pleno segundo turno das eleições”, ressaltando, ainda, que “mesmo sem querer, os pais e adultos presentes podem ser induzido ao voto no candidato que tem sua propaganda adesivada nos carros, achando que foi o candidato a governador que mandou distribuir os presentes por meio do vereador e companheiros”.

No escrito, o blogueiro comentou que “o vereador Napoleão foi candidato visando sair da Câmara (Campina Grande) para a Assembleia Legislativa da Paraíba… Mesmo tendo uma boa estrutura de campanha e pessoal pedindo votos para ele…”.

As fotos mostrando o suposto crime eleitoral estão reproduzidas neste espaço, também imagens do vereador Napoleão que demonstra ter boa amizade político-eleitoral com o governador-candidato à reeleição Ricardo Coutinho.

napoleao

napoleao1


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.