Major Fábio rejeita morar na Granja Santana, se eleito

Nenhum dos neófitos a corrida pelo Palácio da Redenção deseja fixar residência na Granja Santana, espaço ocupado pelo atual governador Ricardo Coutinho (PSB), candidato à reeleição. Nesta segunda (11), em entrevista televisiva, o deputado federal Major Fábio (PROS) disse que, se eleito, o espaço será transformado num Centro de Recuperação de Dependentes Químicos.

“Porque eu iria morar na Granja Santana quando há uma enorme deficiência na educação, na saúde e na segurança pública. Eu transformaria o espaço no centro de reabilitação de jovens que estão envolvidos com drogas porque foram ou estão abandonados…”.

“… No meu governo, a educação será tratada com prioridade, a saúde também e a segurança idem. A Paraíba foi esquecida pelos seus governantes e me propondo fazer diferente; o que eles não fizeram eu farei”, adiantou o candidato a governador Major Fábio.

Disse, ainda, que uma das medidas prioritárias para conter as despesas públicas é cortar radicalmente regalias. “Sem dúvida, porque é um tanto com tantos… Outros com absolutamente nada, sem um copo d’água pra beber”.

Defensor ardoroso da PEC-300 – proposta cria um piso nacional para os policiais -, Major Fábio comentou que é uma das promessas da presidente Dilma Rousseff, na hipótese de ser reeleita; “cujo programa diz que será criado um fundo constitucional”.

Para o Major Fábio, a segurança tem jeito. “A violência precisa ser vencida na escola, na sala de aula. Portanto, meu programa de governo vai ser pautado na educação”.

Garantiu que a Paraíba vai pagar o melhor salário do professor do Nordeste, seguindo o que defende o governador reeleitoral que prometeu dobrar os vencimentos do magistério paraibano. “Sabe por que ele (Ricardo) fez a promessa? Ele sabe que existe dinheiro do pré-sal que irá financiar”.

Pode faltar tudo, santinho, material de campanha. Tudo, menos otimismo no candidato do PROS.