SANTIAGO FILHO BATERÁ À PORTA do Tribunal Superior Eleitoral

Candidato à reeleição, o deputado federal Wilson Santiago Filho (PTB) teve o pedido de registro negado pelo Tribunal Regional Eleitoral-PB nesta sexta (1º). Além de ter sido por unanimidade, o pior aconteceu: ele caiu na Lei da Ficha Limpa porque a decisão ocorreu por um órgão colegiado, ou seja, o pleno do TRE. O parlamentar não se recolheu, pois já está anunciando que vai recorrer ao TSE para reverter o atual quadro.

Santiago Filho afirmou que está tranqüilo e confiante “pela certeza de que toda jurisprudência existente é em meu favor”. Adiantou que “às instâncias superiores vão reverter a decisão da Justiça Eleitoral da Paraíba”, assegurando que “essa é a minha expectativa”.

Observou ainda o seguinte: “Estou absolutamente confiante que o TSE vai reparar o equívoco do TRE. […] Passamos quatro anos do nosso mandato trabalhando em prol do povo paraibano e temos certeza que à Justiça não vai praticar injustiça”, apelou.

Não é a primeira vez que o deputado Wilson Santiago está na pauta do TSE. Ele recentemente escapou da cassação do seu mandato por infidelidade partidária, por haver trocado o PMDB – partido em que se elegeu – pelo PTB. Deu-se a pouco mais de dois meses.