CARTAXO SEPARA A GESTÃO DA parceria eleitoral com ‘socialistas’

Que PT/PSB estão muito bem, obrigado; disso ninguém tem mais dúvidas. A parceria começa a dar certo sob o ponto de vista eleitoral, mas administrativo ainda não foi colocada em prática. Nesta quinta (15), instado a falar sobre a possibilidade dos “socialistas” ocuparem espaços no secretariado petista, o prefeito Luciano Cartaxo afirmou que a parceria nada tem a ver com a gestão da prefeitura de João Pessoa.

A provocação ocorreu por causa do pedido de exoneração da secretária de Ciência e Tecnologia do Município, jornalista Marly Lúcio. “A demissão aconteceu por questões pessoais e não cabe a mim julgar os motivos”, disse o prefeito da capital.Da mesma forma em que a gestão municipal não está aberta para os “socialista”, o prefeito disse que não irá intervir ou pedir cargos no governo Ricardo Coutinho.

Aproveitou entrevista a uma emissora de rádio da capital para reafirmar sua confiança na decisão do Tribunal Regional Eleitoral, que nos próximos dias irá julgar a aliança celebrada pelos petistas com o PSB na ação do PT nacional, que quer o Partido dos Trabalhadores no palanque do PMDB. “Estou confiante na manutenção de nossa coligação com a legenda socialista”, concluiu.


Descubra mais sobre Marcone Ferreira

Assine para receber os posts mais recentes por e-mail.