‘RESOLUÇÃO DO PT FEDERAL NÃO altera o PT estadual’, diz Cartaxo

Uma divergência entre o PT federal e o PT da Paraíba por causa da aliança com o PSB levou os petistas daqui a não dá muita importância as recomendações oriundas do plano nacional, que é no de unir-se a candidatura de Vital do Rêgo Filho (PMDB) e não do governador reeleitoral Ricardo Coutinho. Como se sabe, o caso saiu da esfera partidária para à Justiça Eleitoral, a quem caberá decidir se o petê casa com o peemedebê ou os “socialistas”.

No âmbito das opiniões, o prefeito Luciano Cartaxo – principal líder dos petistas – disse que o pedido de desautorização do PT federal da aliança não altera o posicionamento do partido. Ele argumenta que o partido tem uma aliança construída dentro dos prazos eleitorais, onde só as legendas partidárias têm autonomia.

Disse o prefeito de João Pessoa: “A resolução do PT nacional não altera o PT estadual, pois temos uma aliança construída dentro dos prazos eleitorais, dentro da legislação eleitoral em vigor e com as regras que compõem essa eleição e de uma maneira transparente dentro do partido…”.

“… A coligação foi pública e aconteceu demonstrando que o PT e PSB estão juntos e que têm autonomia para isso. Então, não há mudanças em relação a isso, as candidaturas estão postas, cabe, agora, o eleitor fazer sua escolha de maneira legítima”, concluiu.