PMDB FALA EM INTERVENÇÃO; petistas simplesmente ignoram

O apoio do PT a candidatura à reeleição do governador Ricardo Coutinho (PSB) está se transformando em “casamento na delegacia”, pois existe desde ameaça de iniciativas judiciais até intervenção na direção estadual petista. A propósito, o petê não parece nem um pouco preocupado com o que poderá acontecer de agora em diante. Só não quer abrir mão de estar junto com os “socialistas”, participando da campanha majoritária de outubro.

Partidário da candidatura de Ricardo Coutinho há uma movimentação do PMDB nacional que poderá aumentar a crise dos peemedebistas com o PT, que é a cobrança da resolução partidária que assegura a aliança entre os dois partidos. Quer o peemedebê que o petê apóie a candidatura do senador Vital do Rêgo ao governo da Paraíba.

Presidente do PMDB Federal, o senador Waldir Raupp (RO) traçou o plano: “Existe uma resolução dizendo que se Vital fosse candidato o PT apoiaria. Vitral só saiu candidato porque tinha esta resolução, mas de última hora o PT mudou”.

Bem, é como vai ficar? “A intervenção é uma das possibilidades. O melhor caminho é que não exista isto, mas intervir é uma prerrogativa que os partidos tem”, afirmou Raupp durante entrevista a uma emissora de rádio local.

Então, aguardemos até esta sexta.