PMDB TEM SEIS NOMES PARA VICE, mas um deles é mantido sob sigilo

O ex-governador Roberto Paulino (PMDB) está de volta à cena política da Paraíba. Ele teve o nome cogitado para a vaga de candidato a vice de Veneziano Vital do Rêgo. Significa que os peemedebistas devem concorrer ao Palácio da Redenção com chapa puro sangue, repetindo o acorrido na campanha vitoriosa de 1998.

Além de Paulino, outros quatro nomes estão sendo analisado pelo alto comando da pré-campanha do pré-candidato a governador pelo PMDB, Veneziano Vital. São eles: Nabor Wanderley, ex-prefeito de Patos; o suplente de deputado federal Leonardo Gadelha (PSC) e os deputados federais Major Fábio (Pros) e Wellington Roberto (PR).

Porém, o que se comenta é que há um nome correndo por fora e que tem crescido de cotação nos últimos dias. “Sabe-se apenas que “vem do outro lado”, adiantou um interlocutor que tem participado dos entendimentos. Quando o assunto é adesão, os peemedebistas tratam o assunto como muita prudência.

“Precisamos agir em silencia, porque o governador detém toda a estrutura para agir e não deixar que os partidos saiam de sua base política […]. Por isso, evitamos propalar os entendimentos mantidos para fortalecer ainda mais a candidatura (pré) de Veneziano”, disse o senador Vital do Rêgo Filho.

O anúncio da formação da chapa será feito pelo próprio candidato Veneziano, se o ex-governador Roberto Paulino, o ex-prefeito Nabor Vanderley, os deputados Major Fábio e Wellington Roberto, o suplente Leonardo Gadelha ou, ainda, o personagem mantido sob sigilo.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.