TIÃO VEM À BOCA DO PALCO E ‘cospe’ no prato que um dia já comeu

Um dos mais antigos parlamentares da “Casa” de Epitácio Pessoa, o deputado estadual Tião Gomes (PSL) “cospe” no prato que faz ou já fez refeições ao longo desse período de mandato. Talvez, reclame por estar hoje se deliciando de outros ambientes “gourmet”, mas age como se nunca tivesse se deliciado dos pratos que eram servidos pela Assembleia Legislativa.

A propósito, os pratos lhes servidos eram deliciosos, porque à época o deputado fazia parte dos governos. Quando não era na Assembleia, era do Palácio da Redenção. Nesta terça (13), ele veio à boca do palco para denunciar os próprios companheiros de bancadas.

Cobrou do presidente da Assembleia, deputado Ricardo Marcelo (PEN), explicações sobre gastos de alguns gabinetes. Talvez, tenha ocorrido porque Tião está com saudades dos tempos de outrora. “Os deputados de oposição têm gabinetes abarrotados e os do governo os gabinetes esvaziados…”.

“… Não é possível um gabinete com R$ 400 mil só para gratificações, enquanto outros têm R$ 50 mil em gratificações”, declarou.

Jogou a denúncia ao meio-fio sem apresentar provas, mas prometeu mais cobrança durante a audiência pública para debater as contas do governo “socialista” referente ao exercício de 2011.

Pura tentativa de intimidação.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.