AUDIÊNCIA PÚBLICA VAI DEBATER andamento das obras do S. Francisco

Em mais uma ação na tentativa de manter a sociedade informada sobre o andamento dos trabalhos de execução de transposição de águas do Rio São Francisco, o presidente da Comissão Externa de Acompanhamento das Obras, o senador paraibano Vital do Rêgo (PMDB), anuncia mais uma audiência pública. Esta marcada para esta terça (29), com a presença de ministros e autoridades.

Foram convidados para a audiência pública o ministro da Integração Nacional, Francisco Teixeira; o presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), Augusto Nardes; o ministro-chefe da Controladoria Geral da União (CGU), Jorge Hage; e o diretor-presidente da Agência Nacional de Águas (ANA), Vicente Abreu Guillo.

Disse Vital que o objetivo do colegiado é acompanhar todos os atos, fatos relevantes, normas e procedimentos referentes ao projeto de Integração do Rio São Francisco com as bacias hidrográficas do Nordeste Setentrional.

Segundo o governo federal, 55,5% do total previsto já estão prontos. O compromisso é concluir até 2015 o projeto orçado em cerca de R$ 8 bilhões. São 477 quilômetros de canais (mais do que a distância entre Rio de Janeiro e São Paulo), formando os eixos Norte, que vai de Cabrobó (PE) a Cajazeiras (PB), e Leste, com início em Floresta (PE) e término em Monteiro (PB) que conduzirão a água no semiárido nordestino.

O Ministério da Integração prevê a entrega de 100 quilômetros de canais em cada eixo em dezembro de 2014. As obras, iniciadas em 2007, incluem ainda a recuperação de 23 açudes, construção de 27 reservatórios, nove estações de bombeamento, 14 aquedutos e quatro túneis exclusivos para a passagem de água.

Na audiência pública deverão ser questionado o ritmo dos trabalhos para evitar novo atraso no cronograma. Previa-se anteriormente que a transposição do rio São Francisco seria concluída em 2012. A reunião começa às 14h, na Ala Alexandre Costa, sala 15.

Como presidente da comissão, Vital também prevê a entrega de 100 quilômetros de canais em cada eixo em dezembro de 2014, garantindo água para 12 milhões de pessoas em 390 municípios de Ceará, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte.

Vital do Rêgo e o relator da comissão senador Humberto Costa (PT-PE) avaliaram como positiva a expectativa de entrega de 100 quilômetros de canais em cada eixo em dezembro de 2014.

Para ele, a transposição vai mudar a face rural do Nordeste e trazer esperança para milhões de nordestinos que sofrem com a escassez de água no período de seca. A comissão presidida por Vital e relatada pelo senador Humberto Costa (PT-PE), já realizou três visitas ao canteiro de obras da transposição do Rio São Francisco. A primeira visita da comissão ocorreu nos dias 7 e 8 de março de 2013, no eixo norte da obra. A segunda visita ocorreu no dia 19 de abril ano eixo leste da obra, nas cidades de Floresta e Sertânia, em Pernambuco, e Monteiro, na Paraíba. Em agosto do ano passado, os senadores, ministros e demais autoridades voltaram a cidade de Monteiro para vistoriar as obras no eixo leste.

Fotos produzidas por Terceiros

 

 

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.