DEPOIS DE FALAR MAL DE DILMA, presidente da Docas pede demissão

Depois de falar mal da presidente Dilma Rousseff com palavras de baixo calão, o diretor da Companhia Docas da Paraíba, Wilbur Jácome Sarmento, está demissionário. Deu-se nesta sexta (21) e agora a decisão está com o governador Ricardo Coutinho (PSB), a quem caberá decidir se aceita ou não o pedido de demissão do auxiliar do governo.

Fontes do Palácio da Redenção garante que o governador acatou de pronto o pedido de demissão do auxiliar. Porém, diz-se que Wilbur foi pressionado a decidir o própria destino. Eis trechos da carta-demissão do diretor-presidente das Docas: “Informo que a minha decisão se dá por motivos pessoais e como único objetivo de manter a estabilidade institucional da Companhia e do Governo do Estado”.

Em reunião com servidores do Porto de Cabedelo, Wilbur falou que a presidente da República era r…, es… O governo reprovou a atitude do diretor-presidente das Docas, cargo de confiança do Palácio da Redenção.

A fala com o xingamento contra a presidente Dilma atingiu números recordes de visita na internet.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.