Ricardo diz que apoio do PPS a sua reeleição é mais do que natural

Em mais de uma hora de entrevista televisiva nesta sexta (27), o governador Ricardo Coutinho (PSB) disse que o apoio do PPS a sua reeleição é mais do que natural. “Sempre estivemos juntos nas minhas eleições a prefeitura de João Pessoa e ao governo do Estado”, ressaltou.

Disse que o PPS veio em busca do PSB no plano nacional. “Saudamos o gesto do presidente Roberto Freire, que espontaneamente conduziu o partido a apoiar a candidatura (pré) presidencial de Eduardo Campos”, afirmou o governador paraibano.

Ele acredita que o partido presidido pelo ex-aliado Nonato Bandeira – vice-prefeito de João Pessoa – “irá compor conosco na eleição do ano que vem, seguindo o que já faz os diversos prefeitos do PPS e a deputada estadual Gilma Germano, que nos apóia”, frisou.

Ricardo evitou tecer maiores comentários sobre os boatos da candidatura do ainda aliado e senador Cássio Cunha Lima (PSDB). “Não vejo razão de continuarmos caminhando juntos, mesmo reconhecendo que somos diferentes”, ao se referir ao político tucano.

No seu entendimento a discussão sobre a formação da chapa à reeleição não deve ser imposta, “pois que temos que discutir o assunto com o DEM, PDT, PSD… PSDB… Partidos que formam a nossa base aliada”. Adiantou que irá tratar pessoalmente do assunto sobre os futuros integrantes de chapa majoritária.

Suspeita de uma “articulação milionária” para reprovar as contas do seu governo referente ao exercício financeiro de 2011, já aprovada pelo Tribunal de Contas do Estado. “Há uma vontade explicita de tornar-me inelegível, uma vontade que não parte de todos os deputados de oposição, mas de alguns poucos.

Segundo o governador Ricardo Coutinho, “isso não é uma atitude republicana da Assembleia, o de procurar argumento para reprovar as contas do meu governo”. Garante que é um parceiro do Legislativo estadual “assim como sou desse poder”, concluiu.

ricardorede

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.