Cartaxo prevê vitória de Nadja e repetição do triunfo petista de 2012

Com a pressa com quem está prevendo uma repetição do cenário de 2012, o relógio do prefeito Luciano Cartaxo (PT) caminha adiante do calendário. Ele antecipou a decisão que, em tese, só aconteceria em 20 de dezembro. Ou seja, daqui a 10 dias.

Compartilhou a decisão com vários petistas que foram a um hotel da orla marítima acompanhar o lançamento da pré-candidatura de Nadja Palitot à sucessão governamental de 2014.  Antes do seu discurso, prefeito foi logo surpreendendo: “Nadja é mesmo o nome do PT para disputar o governo”.

Garantiu que “essa candidatura é pra valer” e previu que sua ex-colega de Câmara Municipal de João Pessoa tem grandes chances de vencer as eleições. “Nadja tem a força da mulher guerreira e disposição para enfrentar o debate seja internamente, no âmbito do partido ou na campanha eleitoral”.

Cartaxo antevê que a pré-candidata Nadja “vai enfrentar os mesmo problemas que enfrentamos quando do lançamento do nosso nome para prefeito de João Pessoa, mas faz parte da democracia interna do PT. Até valoriza mais a candidatura”, comentou.

Ao confirmar nesta terça (10) a condição de candidato a sucesso governamental da auxiliar da administração municipal, o prefeito como quem açula os ânimos dos praticantes de tiro ao alvo. Ou tiro à Nadja.

O importante da pré-candidatura petista é que ela chega com a carta de apresentação assinada pelo ex-presidente Lula e a direção nacional do PT, através do presidente Rui Falcão. Os padrinhos de Nadja Palitot neste novo cenário que está sendo posto a ex-vereadora e ex-deputada estadual.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.